terça-feira, 20 de novembro de 2007

Acervo da Marvel na Internet

"A maioria dos 2,5 mil exemplares da Marvel ficará disponível mediante assinatura mensal ou anual. Mas, para conquistar internautas que não estão acostumados a pagar por conteúdo, 250 exemplares estarão disponíveis de graça.
Os assinantes terão acesso a exemplares raros on-line, como os primeiros números de séries como Homem-Aranha, O Incrível Hulk e Quarteto Fantástico.
Segundo o jornal americano USA Today, os internautas poderão avançar pela história de várias formas, inclusive quadro a quadro. A página da Marvel informa que não é necessário baixar nenhum programa para ver os exemplares e que serão oferecidos também tutoriais, explicando como os quadrinhos poderão ser acessados.
"Nossos fãs já estão na internet. (Disponibilizar os quadrinhos na internet) Parecia o caminho natural a seguir", disse o presidente da Marvel Dan Buckley ao USA Today.
Para Buckley, não existe problema no fato de a maior parte do conteúdo da Marvel estar disponível apenas mediante pagamento enquanto a maioria dos sites de notícias oferece seu conteúdo de graça.
"Você consegue ver as notícias em qualquer lugar. Nós somos os únicos que têm o Homem-Aranha", afirmou.
Seis meses
Para proteger as vendas das revistas, novos exemplares da Marvel só serão colocados online seis meses depois de seu lançamento.
Os clientes também não poderão baixar os exemplares em seus computadores - apenas ver os quadrinhos enquanto navegam na internet.
Histórias em quadrinhos já são disponibilizadas on-line, mas, ao contrário de arquivos de música ou filmes, os fãs não encontraram um formato que facilita o compartilhamento. Mesmo assim, ele ocorre mais rapidamente do que em seis meses, segundo analistas.
"Cerca de 90% dos quadrinhos vendidos atualmente são escaneados e colocados na rede em 36 horas", afirmou ao USA Today o especialista em quadrinhos da Newsarama.com, Chris Arrant.
"Nossa qualidade é bem maior, o acervo é enorme e nunca ficará fora de moda. Esta é a forma legal de fazer as coisas", disse o editor-chefe da Marvel, Joe Quesada.
A grande adversária da Marvel, a DC Comics, já disponibilizou alguns de seus exemplares pelo site de relacionamento MySpace."
Fonte:
http://www.bbc.co.uk/portuguese/reporterbbc/story/2007/11/071114_marveldigitalfn.shtml

Marvel:
http://www.marvel.com/

DC Comics:
http://www.dccomics.com/

Será que isso vai dar certo? Será que alguém não irá pagar a assinatura e usar o "Print Screen" para fazer cópias ilegais?

Um comentário:

Freak disse...

as pessoas já fazem cópias ilegais de quadrinhos, e issi comprando na banca, escaneando e lançando na internet.
fora os que pegal as edições em lingua estrangeira e as traduzem para o português e distribuem em blogs. sou leitor de scans faz tempo.